poema-piada (a oswald)

escrito em tabuleta, tintas tortas:
TEXTO SOB ENCOMENDA
aceito ofertas de quem dá mais
dou-me barato
e estou de graça

(e claro que luas e estrelas e serafins de sóis claros estão no menu)

Anúncios
Published in: on 16 de junho de 2009 at 23:05  Comments (5)  

The URI to TrackBack this entry is: https://palimpsestoebrio.wordpress.com/2009/06/16/poema-piada-a-oswald/trackback/

RSS feed for comments on this post.

5 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Achei simples e lindo. Saudades de ler o que você escreve, até aproveitei para ler muitos outros daqui. Você sabe que eu sempre admirei esse seu dom, não é? Bom, só pra te lembrar. Um beijo e parabéns pelo blog.

  2. Obrigado, querida Lia, pelo elogio carinhoso! =)

    Beijos!

  3. O modo como você falou dessa poesia pra mim me deixou realmente curiosa …
    E com certeza minhas expectativas foram atendidas .

    Engraçado que esse texto não tem a sua cara … Digo, comparado aos teus outros, esse é bem diferente na sua atmosfera, na sua compreensão, ou sei-lá-o-quê . Só sei que tem algo diferente aí . É curtinho e puro, de uma singeleza cativante !

    Tá na lista dos Favoritos ! ;D

  4. amei esse!

  5. Oi, desejo encomendar um texto igualmente leve… bem desse jeito: que faça sorrir de forma boba, sem nenhum motivo aparente.
    Cubro qualquer oferta. Grata.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: